Outfit Reaça: estilo ‘matador’ da familícia

Design sem nome - 2019-09-27T175936.107

Muito se engana quem acha que moda é só frufru news. Mostre o que veste e direi quem você é. Quer ver? Já reparou no Outfit Reaça da familícia Bolsonaro? É tiro, porrada e bomba no trajar, no pensar e no vestir. Com algumas fraquejadas no caminho.

Dudu, o bélico 

Eduardo Bolsonaro, Dudu, o Zero Dois, deputado federal, filho do presidente, fritador de hambúrguer e postulante ao cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos, publicou nesta quinta-feira, 26 de setembro, uma foto fazendo o famoso gesto da arminha com as mãos, como forma de criticar uma escultura contra a violência, localizada na sede da ONU, em Nova York. A obra chama-se ‘Sem violência’ e foi feita pelo artista sueco Carl Fredrik Reuterswärd como tributo ao músico John Lennon, assassinado a tiros em 1980. O terno do postulante a diplomata é impecável, mas isso não basta para ter elegância. “O que faz uma pessoa chique, não é o que essa pessoa tem, mas a forma como se comporta perante a vida”, ensina Glória Kalil. (Fonte: O Dia)

Dudu foi criado para celebrar a morte, a tortura, a violência e as armas. Acho pouco provável que algum dia ele consiga superar a si mesmo no quesito ultraje de um Outfit Reaça depois de celebrar o torturador condenado Ustra com essa camiseta repugnante.

Eduardo Bolsonaro - Publicações.png

Carluxo, o enigmático

O vereador pelo Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro posou para foto no dia 23 de setembro deste ano com uma camiseta de Martin Luther King e a escrita “Keep The Dream Alive” (mantenha o sonho vivo). O Outfit Reaça é contraditório. Enaltece a figura do pastor americano que lutou pela igualdade racial nos EUA, mas cuja ficha do FBI o classificava como “marxista” e “adúltero”.  Vai entender essa mente confusa. (Fonte: Bastidor Político).

Micheque e a familícia 

Design sem nome - 2019-09-27T165156.220
Foto: Fabio Motta/Estadão Conteúdo

No dia 26 de dezembro de 2018, a então futura primeira-dama, Michelle Bolsonaro, desembarcou no Iate Clube Itacuruçá, litoral sul do Rio de Janeiro, com uma camiseta bem desaforada. “Se começar nesse tom comigo, a gente vai ter problema”, diz a frase no Outfit Reaça da cidadã. Foi uma bronca proferida pela juíza Gabriela Hardt para o ex-presidente Lula, em depoimento em Curitiba (PR), no dia 14 de setembro de 2018. Sucessora de Sergio Moro nas ações penais da Operação Lava Jato, Gabriela o ouvia sobre o processo do sítio de Atibaia. (Fonte: Veja)

Meses depois, em agosto deste ano, já na condição de primeira-dama, ficou bem claro que o desaforo é apenas para compor uma imagem forjada de cidadã de bem. Reportagens revelaram detalhes sobre a família dela e mostraram o histórico de problemas com a Justiça da avó de Michelle, que cumpriu pena por tráfico de drogas nos anos 1990.  A mãe também teve problemas com a polícia por causa da adulteração de documentos.

Além disso, foi revelado que o tio preferido da primeira-dama, um dos poucos familiares dela convidados para a posse presidencial em janeiro, foi preso em maio de 2018 sob a acusação de fazer parte de uma milícia que age no Sol Nascente, condomínio localizado em Ceilândia (DF). E não para por aí. Outro tio dela foi condenado em 2018 a 14 anos, 4 meses e 24 dias, em regime fechado, por estupro, e está foragido. Só cidadão de bem. (Fonte: Congresso em Foco)

Cadê Queiroz?

Deixe uma resposta